15 Lições de Mark Rippetoe

  1. Não podes fazer com que as pessoas fiquem mais espertas. Podes expô-las à informação, mas a sua responsabilidade termina ai.
  2. Nunca há uma resposta absoluta para tudo, exceto é claro, que tens de fazer os teus agachamentos.
  3. Por muito que nos custe escutar as verdades, por vezes necessitamos frontalidade suficiente neste emaranhado da indústria do fitness se quisermos obter resultados consistentes com um reduzido investimento de tempo e uma dose grande de esforço devidamente recompensado.
  4. Os teus músculos não ficam mais “alongados” sem que faças uma cirurgia ortopédica radical.
  5. Os músculos não ficam mais definidos – tu é que ficas.
  6. Não existe tal coisa de “firmar e tonificar”. Apenas existe mais forte e mais fraco.
  7. A grande maioria das mulheres não podem obter músculos grandes e masculinos por treinarem com pesos. Se fosse fácil, eu também os tinha.
  8. As mulheres que se parecem com homens, tomaram caminhos drásticos que não têm nada a ver com o seu programa de exercícios.
  9. As mulheres que dizem ter medo de treinar intenso porque “ficam sempre volumosas” são já frequentemente volumosas, ou “gordas fininhas” (finas mas fracas e com fraca condição física) e descobriram mais uma desculpa para continuarem as suas vidas sentadas sobre os seus traseiros.
  10. Apenas as pessoas que estão dispostas a trabalhar até ao ponto de desconforto de forma regular, usando meios eficazes de produzir esse desconforto, é que irão de facto parecer que estiveram fora da zona de conforto a maior parte do tempo.
  11. Podes agradecer às revistas do músculo pelos persistentes falsos conceitos, juntamente com a tendencia natural de todos os humanos procurarem razões para evitar esforço físico.
  12. A aparência, a estética é um efeito secundário da performance. A aparência não pode mudar sem que a performance mude também.
  13. As mulheres não conseguem grandes músculos porque não têm as hormonal para os construir e as diferenças no perfil hormonal entre homens e mulheres, são a razão principal para que as performances entre homens e mulheres sejam diferentes.
  14. Os exercícios com barra que exigem força, equilíbrio, potência, coordenação e concentração mental, produzem um tipo de stress e como tal um tipo de adaptação que é superior ao exercício de baixa intensidade realizado no solo ou exercício de isolamento efetuado em máquinas. O stress é o estímulo que provoca adaptação e a qualidade da adaptação é amplamente dependente da qualidade do stress.
  15. uma das regras básicas é que, com a exceção de um ocasional vencedor de lotaria, tudo o que obténs depende essencialmente do esforço que tu investes.