Arthur Jones

Arthur Jones foi o fundador da Nautilus Sports/Medical Industries e da MedX, Inc., foi também o criador das máquinas Nautilus nos anos 70. Ainda hoje o design das cams fisiológicas destas máquinas não é fácil de superar.

Revolucionário nos anos 70 com ideias que então eram contestadas, consideradas uma heresia e hoje em dia fazem parte das orientações do American College of Sports Medicine para o treino de força.

A grande vantagem deste Senhor, foi o facto de não ter como objectivo principal enriquecer ao criar máquinas de musculação. Era já uma pessoa com alguma riqueza, tendo mesmo o maior aeroporto privado dos EUA (ainda existente: Jumbolair e hoje em parte adquirida pelo actor John Travolta). Aliás, foi mesmo nomeado na lista da Forbes Fortune como uma das 400 pessoas mais ricas.

Este homem tinha o espírito do verdadeiro inventor, do verdadeiro cientista: céptico, curioso e disposto a levar as coisas até ao fim. Gastou milhões de dólares para criar máquinas diferentes, máquinas que fizessem algo que os pesos livres não eram capazes. Conseguiu desenvolver a cam, uma peça revolucionária que permitiu e permite uma variação da resistência das máquinas que ainda hoje utilizamos. Depois da Nautilus, outras marcas copiaram as cames desconhecendo o que as fazia funcionar tão bem nas velhas Nautilus com suavidade e pouco atrito.

As ideias de Arthur Jones passavam por incentivar um trabalho mais intenso em vez de um trabalho baseado em grandes volumes de treino. Realizou diversas experiências que podemos considerar de pouco académicas, mas que, pelo menos não estavam povoadas de assunções, dogmas, presunções e patrocínios como as investigações comuns no desporto da actualidade.

Em 1986, vendeu a Nautilus e criou a Med-X. Faleceu de causas naturais em Agosto de 2007 em Ocala, Florida (local onde residia). O seu filho Gary Jones, viria a criar outra revolução nas máquinas de musculação, a: Hammer Strength.

Um verdadeiro cientista!

Mais informação:

Wikipedia

IART

4 comentários em “Arthur Jones”

  1. Pingback: Estórias da História da Musculação « KETTLEBELLS TRAINING PORTUGAL
  2. muito bom teu artigo, legal saber que existem personal trainer que entendem do assunto do treino de alta intensidade. normalmente eles só sabem dizer sobre os treinos volumosos. qualquer coisa ai ta meu msn pra gente debater sobre o grande A. Jones e sua obra!

Os comentários estão fechados.